domingo, 8 de outubro de 2017

Alimentação

 Em um momento sinto que posso comer de tudo, mas em outro, nada satisfaz.


 Uma blogueira disse uma vez que o alimento que ingerimos, não foi feito somente para o nosso prazer em horas, mas para servir de combustível ao corpo. Isso é de grande motivação para compreender que, não podemos comer qualquer alimento, mas ingerir aquilo que vá nos acrescentar energia o suficiente para nos fazer bem na atividade que pretendemos ter bons resultados a longo e curto prazo.
 Algo super interessante para começar a ter uma certa disciplina nas refeições, é observar a sua rotina: o que você come; quando você se alimenta e o horário. Pois o mais importante antes de começar a pesquisar o que você precisa mudar no seu dia a dia, é ter em mente, o por que está fazendo isso. O mais essencial aqui, não é pela estética, o que ocasiona a maioria das pessoas a procurar por mudanças alimentares, mas por outras situações também!
 Se você percebeu que tem algo errado e acredita nisso e quer mudar, ótimo! Já um grande passo para criar um objetivo.
 O meu começou mais ou menos assim: tomava muito café na hora do almoço e depois não conseguia dormir. Porém era mais por causa do doce mesmo que o gosto do café proporcionava. Mas a quantidade e o horário me chamaram muita a atenção. De repente, tive que tomar alguma atitude.
 Comece sempre com um objetivo em mente e não faça nada por simplesmente fazer. Saiba sempre que na vida, tudo funciona dessa maneira e que em tudo temos um resultado daquilo que fazemos.
 Além de pensar e já concordar que o alimento funciona como um combustível em nosso corpo e não só como uma fonte de prazer, temos que entender também que esse corpo que temos, é um templo, um recipiente emprestado por um tempo determinado e que não sabemos quando irá ser pego de volta pelas mãos do Criador. Nesse meio tempo então, tem que ser cuidado com humildade amor e simplicidade. Disciplina não pode faltar.
 Depois de listado um objetivo e ter consciência tanto espiritual quanto de saúde sobre o que você come no dia, é preciso entender que as mudanças não acontecem e não podem ser feitas de um dia para o outro. Por exemplo:
 " Você passou anos da sua vida comendo doce depois do almoço. De repente, no outro dia, você para." Qual o resultado? Você começa a ficar irritado ansioso demais, enfim... Não faça isso!
 Você pode muito bem substituir, um doce bem doce mesmo depois do almoço, por algo que te faça bem: a Gelatina! Não sou formada em Nutricionismo para saber que a gelatina contém diversos benefícios para o nosso organismo, mas sei e pesquisei que ela ajuda na digestão! Você pode tomar também, com um pouco só de açúcar, limão! Uma laranja... Enfim, você pode substituir alimentos industrializados, por frutas, legumes... Saiba encontrar mais de uma opção, que seja saudável, para comer, sempre !
 E por último, além de não fazer as coisas com pressa e sem planejar ou pensar, saiba que tudo é um PROCESSO: tenho 22 anos e quando eu era bem mais nova, não pensava dessa maneira. Me alimentava descontroladamente, abria um pacote de bolacha negresco e comia todo o pacote! Eu não tinha essa visão de que meu corpo era um recipiente ou que o excesso faz mal. Não pensava que o alimento afetava as minhas emoções e que meus sentimentos eram afetados pela comida também. Não sabia que Jesus se preocupava com o que eu fazia com o meu corpo e com o que eu fisicamente poderia me tornar. Ele se importa comigo como um todo! E não querendo dramatizar a questão, mas há doenças que podem ser frutos de uma má alimentação, entende?! E Jesus sabe disso e nos ama e quer que percebemos isso!
 Então, creio que a base de uma boa alimentação, além dessa consciência de que serve como um meio de combustível, é entender que ela parte de um princípio de amor pela vida e por você mesma(o), daquilo que você é em Cristo e como pessoa.

terça-feira, 3 de outubro de 2017

Uma Moça.



Gosto de Fotografar.
Gosto de Orar.
Gosto de Ler.
Gosto de Estudar.
Gosto de Conversar com quem sabe conversar.
Gosto do Outono e Inverno
Gosto de Crianças.
Gosto de Cachorros.
Gosto de Assistir Palestras.
Gosto de Assistir Ópera.
Gosto de Festival de Corais.
Gosto de Teologia.
Gosto de Azul Celeste.
Gosto de Escrever Livros.
Gosto de Conversar com o Papai.
Gosto de Pedalar.
Gosto de Fazer Trilha.
Gosto de Morar em Fazenda.
Gosto de Ver as amigas.
Gosto de Jogar Mário Brós.
Gosto de Passar Batom Vermelho.
Gosto de Falar sobre Jesus.
Gosto de... Gostar.


Tudo isso eu já fiz, e gostei. A Ópera, eu amei.

domingo, 1 de outubro de 2017

Identidade

 Ele quer me mostrar a Identidade dele em mim.

 Em meio a milhões de emoções e sentimentos borbulhando no meu ser, havia um bloqueio vindo de mim, impedindo que os pensamentos do Espirito Santo viessem. Mas Deus ainda insiste em revelar quem realmente sou nele.

 Fiquei no quarto sozinho vendo a vida de outros passarem. Solidão foi o que senti no mesmo momento e deprimido fiquei.

 Perguntei a Solidão:

 Por que você está aqui a essa hora da noite? Por que me assombra com o seu veneno ao redor do meu coração?

 A Solidão do meu próprio eu, começou a revelar meus piores medos, os mais profundos e inseguros. Ainda havia restos do meu velho homem escondidos dentro do meu coração, e aquilo abalava as minhas emoções, e sabia que lá no fundo, Deus precisava remove-los.

 Precisei ser quebrado.

 A personalidade de Deus entrou em mim tão forte, que tive que respirar fundo e lentamente.  

 Se Ele me fez forte, por que o medo da Solidão então?

 Ser forte é enfrentar as fraquezas do próprio eu e saber elimina-las do próprio organismo mental. Se logo a boca fala daquilo que o coração está cheio, então Deus queria me limpar, removendo de mim, minhas sujeiras. Isso leva tempo:
 Desde maio pedi a Deus pra me revelar a minha verdadeira identidade e sabe o que senti: Gratidão.
 Mesmo em meio a uma pintura "feia", só consegui ver beleza e isso está dentro da vida do autor da pintura e não na pintura.

 Logo, a Identidade é quem você é, e Ele quer que você veja você mesma de uma forma simplificada, como conversar com o próprio autor, e não ficar o tempo todo observando uma obra complicada.




sexta-feira, 12 de maio de 2017

Procura-se.

Procura-se alguém para dividir um amor.
Procura-se alguém para dividir um apartamento.
Procura-se alguém que tenha um coração, de preferencia não
de preço, mas que seja de valor.

Procura-se alguém com vontade de viver.
Procura-se alguém que tenha sonhos em mente. De
preferência, com disposição em atitudes para realiza-los.

Procura-se não alguém que goste somente de sol o tempo
todo, mas alguém que quando o tempo tras chuva, essa pessoa
goste de sair para fora e não ter medo de se molhar.

Procura-se alguém que saiba não somente colocar a
quantidade certa de açúcar em uma receita, mas
colocar a doçura em sorrisos no dia a dia.

Procura-se alguém para se sentar a varanda em dia de
chuva e escutar o som do trovão, assim como também
escutar os sentimentos do meu coração em dias de aflição.

Procura-se alguém imperfeito capaz de perceber que a
única perfeição que pode o completar está acima dele.
Uma que não se vê, mas se sente.

Procura-se alguém que tenha propósitos de viver para
além desta vida. Alguém capaz de passar todas as estações
de inverno da alma. Alguém com coragem capaz para enfrentar
uma luta não de braços mas com joelhos no chão.

Procura-se alguém de beleza oculta. Alguém que escuta.
Alguém que tenha estrutura de amor, linhagem
humilde, historia de valor.

Procura-se [...]


domingo, 2 de abril de 2017

A Moça e a Essência.

" Só a moça com o seu fino instinto de Mulher, lhe compreendia as delicadezas do coração" - O Jardineiro Timóteo.


 Esse trecho trás a memória a essência que havia dentro de mim, se tratando do meu passado quando mais moça. Atualmente as exigências da vida deixou mais forte e fino instinto de mulher, mas para viver o dia bem calmo é necessário trazer de volta ao coração a delicadeza de moça, que logo nos levará a essência verdadeira de quem realmente sou.
 Com tudo isso me leva a crer que o espiritual está ligado a essas fases: a essência de moça e instinto de mulher. Enquanto o conceito essência ela se remete a pessoa real, a ser puro, sem contaminação algum, logo é gerado o delicado, pois para tudo aquilo que é limpo, passa a perceber todos os detalhes e a querer acrescentar para si, companhia de outro algo puro; um sentimento talvez, como o amor, que quando aprendemos algo sobre ele queremos compartilhar, mesmo que conscientemente ou não, e
acontece assim com o amor. E então começa o jogar da semente a essência, o real ganha forma: A Moça.

 Jovem, cheia de vida, cheia de amor, com toda a sua essência e delicadeza, esbanja simpatia, converte o sentimento de paz dentro de si em sorriso aberto para todos que tem o privilégio de viver com ela. Forte, decidida, carrega em si a força de espírito de fé. Ela não vive em um conto de fadas, mas crê que faz parte de algo bem maior e logo se anima por sua essência ser preservada e cuidada por alguém cuja a forma física não conhece do tal ser, mas sabe pelo coração essência e pureza, que pertence a algo do mesmo.
 Assim, toda a sua essência e mocidade refletiram posicionamentos em vida pessoal, a moldando de tempos em tempos o seu caráter, e em um nível de amadurecimento, se tornou a mulher, que de coração delicado, compreendeu que em Timóteo, refletia também a sua essência de que um dia a fez ser moça também, a olhar os detalhes da vida, como flores arcaicas do jardim de Timóteo.






quinta-feira, 12 de maio de 2016

A um passo de Deus.

  Ansiedade: sentir uma necessidade de se preparar para algo, mas que ainda não aconteceu; um momento ou para alguma situação. Ir correndo diretamente para o final sem ter que passar pelo processo do meio. Começa a se desequilibrar do seu foco presente, quando de repente várias coisas vêem em sua mente para você fazer ou se preparar, mas aí você volta a realidade ali e percebe que está na mesma; no quarto sentada, olhando para a janela e a luz do sol, e ver que nada do que pensou em fazer ou estar fazendo, aconteceu.
  Quando pensamos que podemos fazer todas as coisas mudarem por si mesma, pensando que você vai fazer as coisas do seu jeito, da sua maneira, do jeito que você quer, com as pessoas da sua escolha; os seus sonhos, os seus planos, no momento que você quiser, no dia, no mês... Mas não é bem assim.


  Temos uma visão pequena de nós mesmos, acredite! Do que pensamos que podemos fazer quando na realidade, há alguém que nos olha de um outro ângulo e nos enxerga de um tamanho diferente, bem maiores que tudo o que podemos pensar ou imaginar.
  A dificuldade de perceber isso, o que nos atrapalha a não ver; são os nossos medos, a nossa insegurança, a nossa capacidade de nos enxergar tão pequenos diante de muitas situações que nos acontecem no nosso dia a dia tem por motivo essas falhas.
  Somos pequenos ao nos compararmos com as coisas que o Pai tem feito e fez. Não somos nada na verdade, por não agir e fazer absolutamente nada comparado as obras do antigo testamente e a maneira como os servos de Deus agiam. Mas somos grandes ao olhar de um outro modo, grandes com base na força e apoio que temos ao nosso lado: O Deus eterno e infinito. Porém, o que nos impede de nos vermos assim, com essa força e coragem de agir em nome de Deus, como os servos dele agiam?
  O medo, a insegurança, a falta de dedicação, as distrações, todo o luxo e conforto que temos em nossa vida, nos deixa ser levados por algo que desencadeia um desejo egoísta nosso de se realizar, e então nos desviamos do foco e voltamos a ser sensíveis novamente, acabamos dando uma brecha para o nosso eu humano, e nos afogamos em acomodação, da nossa vontade. No fim, acabamos perdendo a força e a coragem, e quando nos encontramos em situação de agir para o Senhor, não nos achamos dignos, e então acabamos nos recolhendo, ao invés de nos expormos a servir a ele.
  Ao ler a história inteira de Salomão, filho de Davi, quando estava pegando pesado nos livros do
antigo testamento para estudo diário, percebi que ele tinha tudo; era um homem que não poderia se queixar de nada em sua vida, sabedoria em abundância, riqueza sem pedir ao Senhor, ganho de presente pela fidelidade que teve com Deus, em preservar os mandamentos e ordens do Senhor.
  Mas foi uma pena, que nos últimos instantes, a um passo de conseguir que sua geração fosse entregue sem mancha alguma de pecado para o Senhor, Salomão teve um deslise. Perdeu o foco. Ele acabou se recolhendo em si, e não continuou agindo para Deus e se entregou aos seus desejos egoístas com várias mulheres, (1 Reis 11:1) a sua paixão por elas o cegou e ele começou a adorar a outros deuses, que comparado ao século de hoje, fez como nós, que as vezes nos rendemos aos "deuses" do entretenimento, do egoísmo, da inveja, da rivalidade da luxuria, da ignorância... E com todos esses pontos negativos entregues, Salomão teve todas as suas gerações perdidas por todos os motivos que o fez cair.
   Quando estamos a um passo de entregar a nossa geração para que o Senhor as tome conta, também nesse mesmo tempo somos tentados por distrações que querem nos tirar do foco, e nos fazer perder a força. Mas é nesse momento que devemos dizer não a elas, e não nos recolhermos para dentro de nós, e sim agir e nos expor para Deus e confessar que precisamos de ajuda, que precisamos dele, e que podemos sim, e que vamos sim, agir para ele, com coragem e sem medo.
   Antes de ler a Palavra do Senhor, eu me sentia indigna de fazer algumas coisas na minha vida, mas depois de um dia inteiro a lendo, não somente a história de Salomão me ajudou, mas o fato de redescobrir que aquela força e coragem de um pai tão grande como Deus, fez com que eu  me lembrasse que ele estava dentro de mim, mais forte e mais vivo.
  Tudo sumiu e já não era mais eu ali, mas era ele em mim.
  E então, algo sobrenatural havia acontecido comigo, e mais forte eu me sentia, mais poderosa... Algo em minha alma estava acontecendo, se formando como uma camada encobrindo algo valioso, e somente no final senti que era a mão do Senhor Deus revestindo o meu coração de amor e coragem, e isso, foi tudo o que eu precisava para que a minha noite terminasse bem. E lá estava eu, a um passo de Deus.

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Tremendo.

- As gotas de provações foram descendo, e eu somente queria me molhar e não adoecer
com o resfriado que poderia de repente me pegar...

Midiã, era aonde eu estava, uma cidade, uma terra. Muito antes, era por lá que havia de passar... Com os pés descalsos, no calor daquele sol, o qual havia de vencer e nele estava todas as dificuldades que havia de enfrentar; o meu eu; o orgulho, o egoísmo, a ignorância, as impurezas, o meu ego, o meu querer...

A solidão veio, a tristeza apareceu. Presa eu estava, a miragem
do deserto vinha e desaparecia, indo e voltando. Erguendo a cabeça, já com os joelhos no chão sem forças para andar, pensei em desistir.

Mas de repente lá estava, por trás de mim, senti um vento, uma
sensação, uma força inimaginável, uma coragem, uma necessidade que soprou atrás e trouce tudo novamente. Uma força sobrenatural de poder e suspirei: Graças a Misericórdia que me alcançoou.

Os gemidos do Espirito Santo a meu favor foram fortes quando a dor era forte e a tempestade que caia ao meu redor, se tornou claro para ele, que se levantou e decidiu me ajudar nessa luta, nesse sofrimento.

Um homem apareceu e fez tudo parar, e aquela dor também.
Olhando de cima, ele me estendeu a mão, mas pensei:

É tão sulrreal e tão incomparável esse amor, que ao recordar
os fatos, não consigo imaginar como ainda estou de pé...

Tudo do interior se esvaziou e de repente algo me preencheu e uma
fumaça de paz e Graça senti. Abri os olhos e o homem havia ido embora.
Não temi mal algum ao olhar para aquela criatura, pois sabia que depois de um Midiã
a vitória viria pessoalmente para me visitar, e meu corpo humano, poderia suportar a presença dele.

De repente de olhos fechados o chamei de mestre e um
sorriso apareceu e curvou minha boca.

Tremendo, sinto tremendo o chão quando vejo a imagem.
As lágrimas começam a descer por que de repente, fecho os
olhos e não consigo imaginar como, realmente, como...

O Amor e a proteção do meu mestre pode me deixar tão Constrangida.
Mesmo sem merecer, me ama, e um Suporte forte e inabalável se torna para mim.
O meu Deus !